sexta-feira, agosto 03, 2007

Volúpia

Quebra Este silêncio que me atormenta
sussurra-me teus desejos
invade-me com tua fala
penetra-me com tua poesia

eu te permito
eu te convido
eu te convoco

faz de mim tua folha em branco
e me transforma em letras e sonhos
escreve em mim tua história
e através de tua caneta
imortaliza minha alma
me faz explicita
até que nada mais fale
nada mais cale
nada mais falte
nada mais sobre

corpos exaustos
caneta sem tinta
todo o espaço preenchido
por letras e sussurros...

...só então
deixa que o silêncio invada
Este silêncio que nada mais é
que o som da nossa volúpia

25 Comments:

Blogger Marla de Queiroz said...

Nossa............
Arrebatador, lindona!
Desse versos que dançam firmes dentro dos leitores trôpegos.

Adorei a visita.
Sê bem-vinda.

4:57 PM  
Blogger Nilson Barcelli said...

Há quanto tempo não via a Ariane...
Os seus poemas estão melhores que nunca, gostei imenso de os ler.
Obrigado pela sua visita, por se ter lembrado de mim.
Bom fim-de-semana.
Beijinhos.

2:01 AM  
Blogger ALF said...

Que maravilhoso Ariane. Tu demoras a aparecer, mas quando se faz presente, nos envolve com uma magia extremamente sublime.

Lindo poema, intenso, amoroso.

Beijo pra ti linda.
=D

9:10 AM  
Blogger Juliana Pestana said...

E ela se deixa levar pela escrita... e não se sabe mais onde terminou a poesia e inicia essa menina.

Forte em versos desejosos e entregues. Lindo!

Bjos meus.

12:05 PM  
Blogger Ácido Poético said...

Saudade de você, da sua essência, das palavras das viagens que suas letras me fazem e dessa maravilha impregnada em cada palavra.
Bom ver você novamente por aqui

Beijos meus
Brunø

12:45 PM  
Blogger Jefferson P. said...

com esse apelos... torna-se impossível não ceder.

bjo de poeta!

1:32 PM  
Blogger Carol said...

maravilha de poesia!


bjos

12:25 PM  
Blogger uma pergunta said...

sua poesia é arrebatadoramente linda!

adorei sua visita ^^

12:37 PM  
Anonymous paulo vigu said...

Forte hein! Andei fazendo um tudo e fiquei sem tempo. Volto aqui, como sempre fiz. Ah - empreste-me o par de asas! Prometo devolver depois das férias. Beijo - Paulo Vigu

9:39 AM  
Blogger diovvani mendonça said...

Belo, muito belo!!!
^^^Abraço^^^

12:31 PM  
Blogger Pedro Pan said...

, e desta convicação, êxtases...
, beijos meus.

1:20 PM  
Anonymous alex pinheiro said...

O som de nossa volúpia... esse que é o som do oásis ausente...

Belas letras em página que foi branca...

Bjs e apaixonadas invenções!

2:13 PM  
Anonymous sarah k said...

Arrebatador e envolvente menina!!

Adorei ...
Voluptuosamente vc nos envolveu ... rs

;-)
bjs

5:57 PM  
Blogger empty said...

amo o silêncio...
belo escrito, moça.
inté.

8:48 AM  
Blogger Mary said...

Ariane!
Saudades...
Poema intenso e sensual! E delicioso...
Preciso voltar aqui pra me atualizar de tudo e contemplar todos os seus vôos...

E agora descubro que você é (ou apenas está) em Fortaleza, minha cidade natal! E meu convidado hoje lá do blog de 7 cabeças também é de lá! Saudades de Fortaleza também... rsrs...
:)

Beijos muitos!

9:09 AM  
Blogger empty said...

bom saber que temos bem mais em comum. fiquei curioso!
beijos e aguardo ansioso a próxima visita lá nos espaços!

9:57 AM  
Blogger Camila Lemos Barata said...

Intenso desejo.

5:22 PM  
Blogger Márcia Sanchez Luz said...

Ariane,

Bom dia.

Indiquei seu poema intitulado Por encanto... por enquanto..., para o "PRÊMIO CANETA DE OURO – POESIAS 'IN BLOG' 2007", idealizado por ANDRÉ L. SOARES e RITA COSTA. Para conhecer as regras desse evento clique AQUI. Desde já, desejo-lhe boa sorte. Participe, faça também as suas indicações e, juntos, vamos construir um dos maiores eventos relacionados à poesia, em blogs de idioma Português!

Abraços,
Márcia

7:26 AM  
Blogger Claudia said...

Adoro seu blog.Pq traz poesia.
Bjos.

3:30 AM  
Blogger Ácido Poético said...

No alvo... Gritando em silêncio...

Beijos em berros surdos
Brunø

12:20 PM  
Anonymous Anônimo said...

Gentems!

Mereces todos os premios.

10:21 PM  
Anonymous sarah k said...

huummm que foto deliciosa... e suas palavras deixam a cena irresistível!

beijos
;-)

7:32 AM  
Blogger Gi said...

Hehe, que fuque-fuque mais bonito...

4:47 PM  
Blogger Gi said...

Obs: visite meu blog, há tempos não a vejo: http://cidadedosonho.blogspot.com

4:47 PM  
Anonymous Laysa said...

Senti por vezes um arrepio forte,
Belíssimo escrito. Parabéns.

5:52 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home